Os Cinco Porquinhos, de Agatha Christie – Resenha de livro

Cinco-Porquinhos_Agatha-ChristieE-book
296 págs.

A inconformidade da filha em aceitar o veredicto da pena de morte de sua mãe, condenada por um crime em que foi acusada pela morte de seu marido, faz-a contratar os serviços do detetive Poirot para elucidar um caso considerado resolvido. Devido a uma carta deixada pela acusada, traz dúvidas quanto a veracidade real da culpa da mulher e permitindo que o real assassino vivesse livremente.
Durante a investigação, descobre-se muitas questões e aspectos importantes pertinentes ao acaso, esquecido ou ignorados pelas autoridades responsáveis pela investigação e autuação pelo fato de que a acusada assumira a culpabilidade do crime.
Com sua maestria investigativa, o detetive prossegue até o fim da investigação o clima de suspense e a insuspeita solução do caso.
Na trama, onde a autora faz referência às estrofes de um poema infantil com os principais suspeitos, cada entrevista destes oferece cinco versões do fato ocorrido. A partir destes depoimentos, difícil de não ter opiniões adversas e imparciais do mesmo caso.
A conclusão é surpreendente e seguindo o molde de narrativa de um clássico escrito pela autora, que reserva a até os últimos parágrafos a solução do caso.
Uma boa leitura para os apreciadores do gêneros. Apenas se atentar a ter paciência ao estilo de narrativa no estilo de carta dirigida. Interessante saber que cada versão do depoente não dá a devido esclarecimento real do caso.

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s