Panacéia, de Rodrigo Constantino – Resenha de livro

Panaceia_Rodrigo-ConstantinoEditora Simonsen
96 páginas

Distopia em tom irreverente, retratando a visão do Brasil em tempos futuros, com o pesar da existência de uma endemia viral, as decisões para garantir o bem-estar é acompanhada com uma temática política, em um tom escrachado como a visão autoral sobre o tema.
A criatividade do autor passeia nas situações e nomes dos personagens utilizados, além de narrar com boa fluência literária dentre as situações em que autoridades deveriam ajudar o povo, espelha muito bem o que é a sociedade sócio política brasileira, que demonstrar uma piora previsível em emtempos futuros.
Apesar de curto, sua trama é bem alinhavada dentro da proposta de se entreter na forma de distopia que não foge da realidade atual. É quase umr etrato atual mas com um filtro visual caricato do que vemos a nós vemos, brasileiros. Se não encarasse a obra sob a ótica de ser de humor, estaria vendo um retrato fiel do é o quadro atual que vievemos, essa distopia realista.
A escrita do autor é segura e de uma fluidez de leitura que torna o livro uma opção diferente para se entreter nas pausas da rotina.

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s